A (não) utilização da memória no Estadão e no Público

Há pouco tempo, morreu o último combatente da I Guerra Mundial, o britânico naturalizado australiano Claude Stanley Choules. Vi essa notícia antes de uma orientação com Palacios. Lembro que pensamos no fato como um bom ensejo para o uso da memória. Todavia, quando cheguei em casa e li a notícia na íntegra, vi que nossa previsão não estava comprovada, ao menos tendo o Estadão e o Público como exemplos.

No Estadão, poderia haver algum link quando falam do “destróier ‘HMS Revenge‘”, do livro que Claude publicou há dois anos ou de outras pessoas vivas que participaram “indiretamente” do conflito: como a citada Florence Green. Ou mesmo podiam utilizar as reminiscências para historiar melhor o conflito. Com certeza, a internet contém informações sobre todos esses exemplos, e muito mais. Essa recorrências dependem da criatividade, da formação e do background do jornalista (e da abertura do veículo para o uso da memória intertextual).

No caso do Público, vários brechas são deixadas, nas quais poderiam ser dispostos links com imagens, vídeos, textos ou qualquer formato que se desejasse, sobre: as Midlands inglesas, o fato de a Alemanha ter destruído seus próprios navios para não deixá-los com os inimigos, a entrevista de Claude na BBC, a entrevista que o historiador Jonathan King concedeu à televisão ABC sobre Claude, entre outras opções.

As possibilidades para a utilização da memória são imensas. Obviamente, não falamos apenas de reportagens e informações textuais, pois, em muitas ocasiões, relacionar imagens, vídeos e infográficos pode ser mais interessante – e mesmo uma mescla dos formatos e dos gêneros jornalísticos e não-jornalísticos. Cada relação, por mais simples que pareça, possibilita ao leitor um conhecimento maior sobre o que ele se interessar, fazendo, provavelmente, com que ele passe a creditar mais confiança ao jornal como bom fornecedor e amplificador de um assunto.

Comente!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s